Observatório da UFMG


Dia primeiro de Maio fui com meu namorado em um lugar simplesmente fantástico! Para quem não conhece, aí vai a dica: Observatório da UFMG! Fica próximo à cidade de Caeté, na Serra da Piedade. Ao final do post vou colocar o endereço certinho.
Eu sempre ouvi falar do Observatório da UFMG, pois uma amiga minha costumava ir com o namorado dela, e me dizia que é um lugar muito romântico e que valia à pena ir. Fiquei com isso em mente, até que surgiu a oportunidade, e fui com o meu. Já na subida da Serra, já dá para paralizar com a vista, simplesmente maravilhosa! Estava mais no fim da tarde, e o sol dourado iluminava o horizonte de maneira ainda mais bela, revelando nos 1700 metros abaixo de nós a estrada que nos levou até lá, matas e Serras mais baixas. Tão bonito e inacreditável que tivemos que parar algumas vezes para tirar fotos. Já lá no alto, tive que vestir a jaqueta que havia levado, pois estava sem condições de ficar de blusa de alça. O vento gelado chega encostando em nossa pele parecendo rasgá-la, e isso piora, claro, com o decorrer da noite. Tanto é verdade que nosso rosto chegou a ficar vermelho. Ficamos muito encantados com a vista e com o pôr do sol, tirando muitas fotos. Essa acima é uma delas, que tiramos sentados em uma das belas pedras que havia lá.
Após apreciarmos a vista, fomos ao local onde se encontram os telescópios, inclusive o principal que, por sinal, gera uma fila imensa para se observar nele. Acabou que não conseguimos ir até ele, pois nossas senhas eram 190 e 191, além de estar muito úmido no dia, o que dificulta a visão dos visitantes. Mas nada disso atrapalhou nossa visita, que aproveitamos de outras formas, tirando muito mais fotos da vista (podíamos ver a cidade de Caeté lá de cima, toda iluminada, e a imponente Belo Horizonte mais à frente. Dá para ter uma noção de como estávamos no alto, né!), observando telescópios menores e secundários, onde pudemos ver, na região das 3 marias (cinturão de órion), uma nebulosa, onde nascem estrelas. Na verdade queríamos ver mesmo Vênus, mas uma nuvem pouco amiga entrou na frente dele e não pretendia sair tão cedo É incrível como temos a chance de poder ver tudo mais de perto.
Rondando por lá tivemos a oportunidade também de participar de uma aula onde o professor, apoderado de um potente laser, apontava para estrelas, constelações e para nossa via Láctea, explicando os nomes de cada uma, sua disposição no céu e curiosidades. Uma das informações que mais me impressionou, é o tempo que as estrelas estão daqui da Terra. A que está mais próxima de nós, é uma cuja luz demora 4 anos para chegar em nossos olhos, sendo que uma outra demora 88 anos. Achamos uma delícia infiltrar em uma aula tão diferente e interessante como essa!
Já na hora de ir embora, sentimos um frio realmente forte, e achamos que isso aconteceu pelo fato de uma nuvem passar por nós. Isso mesmo, vimos uma nuvem encobrir o local onde estávamos, levando um frio assustador. Foi uma outra experiência que adorei.
Enfim, recomendo muito uma visita ao observatório da UFMG. Uma coisa eu dou certeza, é ótimo para namorar! Para quem não tem namorado(a), a visita também é válida, já que é um passeio diferente e de encher os olhos, além de satisfazer o lado do conhecimento, no que diz respeito ao nosso misterioso espaço, assunto que interessa muito meu lindo namorado!
Para quem se interessou, aí está a forma como chegar lá:

A partir de Belo Horizonte pegue o anel rodoviário no sentido de João Monlevade. Siga em frente pela BR-381 (Antiga BR-262) até o trevo de Caeté. Entre à direita no sentido de Caeté até o trevo indicando o Santuário Nossa Senhora da Piedade. Entre novamente à direita até o alto da Serra (aproximadamente 5 km).
Distância do centro de Belo Horizonte ao Observatório: 50 Km

Aí vai também o site: http://www.observatorio.ufmg.br/
Importante ressaltar também que as visitas são abertas apenas nos PRIMEIROS SÁBADOS DE CADA MÊS!

Espero que tenham gostado da dica! Só lembrando que é melhor chegar no meio da tarde, pois pelo menos nós dois arrependemos um pouco de não ter chegado antes (chegamos aproximadamente às 17:30 da tarde).
Quem tiver mais alguma dica ou curiosidade, mande para mim! robertavonzastrow@gmail.com
Grande abraço e até a próxima😉

Esse post foi publicado em Caeté, Espaço, Estrelas., Observatório UFMG, Pôr-do-Sol, Planetas, Serra da Piedade, Telescópio. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s